Com alta de casos de Covid-19, Caldas fecha comércio por três dias e decreta toque de recolher

Prefeitura anunciou medidas mais drásticas para controle do coronavírus.

Caldas fecha comércio por três dias e decreta toque de recolher O comércio de Caldas (MG) foi fechado neste sábado (1º) após uma decisão da prefeitura que deve manter apenas os serviços essenciais em funcionamento.

A medida segue por três dias, até segunda-feira (3).

Além disso, a prefeitura decretou toque de recolher para os próximos 10 dias. A cidade estava em fase de flexibilização, com quase todos os setores liberados.

Mas a prefeitura afirmou que a cidade enfrenta um surto do coronavírus e reforçou as medidas de isolamento. O número de casos passou de 20 da última segunda-feira para 42 na sexta-feira (31).

Uma morte está em investigação.

Em um vídeo publicado nas redes sociais, o prefeito Alexsandro Conceição Queiroz afirmou que em uma única indústria da cidade foram confirmados vários casos. "Na segunda-feira, tivemos um caso positivo de uma indústria da cidade.

Depois, na terça, se confirmou mais dois casos positivos dessa mesma indústria.

Foi a vigilância sanitária, a Secretaria de Saúde até a indústria, onde checou todas as normas seguidas e nisso houve contato direto com a empresa para o fechamento até que se fosse testado todos os seus funcionários.

Na quinta-feira, foi feito o teste de todos, e houve bastante caso.

Todos eles estão em casa, sendo monitorados", detalhou. Com as medidas, os moradores devem respeitar o toque de recolher, que será das 21h às 5h do dia seguinte.

Além da ação, a prefeitura anunciou que vai intensificar o serviço de desinfecção da cidade. Diante do aumento de casos, o setor de Turismo também decidiu cancelar a live da Festa do Biscoito que aconteceria neste fim de semana.

O evento, que é tradicional na cidade, costuma reunir milhares de pessoas, mas foi transformado em versão online por conta da pandemia, com exibição de shows e entrega de comida por delivery. Alguns shows já haviam sido apresentados, mas os demais foram cancelados.

"Este final de semana, infelizmente não teremos a live, mas o delivery continua normalmente.

Peço que todos participem e peça nossos pratos afim de fortalecer o setor que foi prejudicado pela pandemia", explicou o presidente da Aciacs, Luiz Marcelo. Comércio em Caldas (MG) é fechado por três dias Reprodução/EPTV Veja mais notícias da região no G1 Sul de Minas
Categoria:MG - Sul de Minas